Feliz 2014!

Feliz2014_4Eis que chega o final de ano. Época de celebração, mas também de reflexão e planejamento para o ano seguinte, considerando fatores internos e externos que podem impactar a sua organização. O planejamento é uma ferramenta crucial para a sua empresa, sendo basicamente uma forma de analisar uma organização sob vários ângulos, definindo o rumo ou crescimento de uma empresa através da implantação e gerenciamento de ações monitoráveis para atingir um determinado objetivo.

Não apenas em marketing, mas em qualquer outro processo que envolva a construção de algo ao longo do tempo, o planejamento serve para antecipar problemas, evitar retrabalho, minimizar as perdas e corrigir a rota quando necessário em nome de um objetivo específico. Por ser uma época emocionalmente mais propícia, peço a licença para mudar um pouco o foco dos meus artigos e escrever breves linhas sobre o seu, o meu, o nosso planejamento.

Em nossa vida pessoal, o planejamento de final de ano não deve ser muito diferente do planejamento em nossas empresas, com a única exceção de que tendemos a incluir valores mais universais como saúde, amor, sucesso e felicidade em nosso futuro. E nesta lista de desejos mais abstratos, a felicidade reina absoluta com seu alto nível de complexidade de significados.

O que seria então a felicidade?

Segundo Roberto Shinyashiki, a felicidade pode ser compreendida por meio de uma parábola:

“Um homem estava fugindo de um urso e caiu em uma ribanceira. Por sorte, conseguiu se agarrar a algumas raízes e ficou pendurado no penhasco. Abaixo dele, surgiram onças querendo matá-lo. Acima, enfurecido, o urso continuava a tentar agarrá-lo. Encurralado pelo perigo, eis que o homem olha para seu lado esquerdo e identifica um morango. Um morango grande e suculento entre os arbustos. Apesar do tenebroso conflito, ele não teve dúvida: estendeu a mão, agarrou o fruto e se deliciou com o seu sabor adocicado.” 

Na vida, muitas vezes, ficamos presos aos problemas e esquecemos de comer o morango. O morango é a representação da felicidade feita das pequenas coisas em nosso dia a dia e não um grandioso acontecimento em um futuro fictício. Se deixarmos para ser felizes somente amanhã, acabamos por justificar a eterna tristeza do momento presente.

Não estou querendo dizer que o planejamento do futuro não é importante. Muito pelo contrário: eu concordo com Peter Diamandis quando ele diz que “a melhor maneira de prever o futuro é construí-lo através de nossas próprias mãos”. Mas a lição aqui é enxergar a realidade com outros olhos, onde um caminhar com significado torna toda a aventura um pouco mais saborosa e não apenas o tão almejado objetivo.

Nós, brasileiros, precisamos aprender a construir o nosso próprio futuro. A despeito das imensas injustiças pelas quais nós somos obrigados a passar todos os dias, nós é que devemos construir um Brasil melhor. O país do futuro cujo futuro nunca chega assim o é porque depende do comportamento de cada um de nós para ser concretizado e não de uma eventual boa vontade do governo. Em nossa eterna reclamação por estarmos encurralados entre ursos e onças, é imperativo que tomemos a iniciativa de começar a mudar a situação através de um novo olhar. Um olhar muito mais ativo, responsável e consciente conforme testemunhamos nas imensas passeatas de Junho deste ano, oportunidade em que vimos muitas plantações de morangos e depois deixamos que os ursos e as onças estragassem a beleza daquele momento através do medo.

Planejar é preciso. Agir é fundamental. Adaptar é estratégico. Mas perseverar é transcendente, transformando simples morangos em felicidade, esperança e rotas alternativas pelas laterais de penhascos aparentemente mortais. Rotas alternativas que não devem ser confundidas com atalhos: são as pequenas mudanças de hábito que levam às grandes, todas elas efetuadas no momento presente por você e mais ninguém.

É com esse espírito carpe diem que eu aproveito para desejar um 2014 espetacular a todos os leitores deste blog, estimando não somente a superação de todos os obstáculos que certamente surgirão, mas também a sabedoria para saber enxergar os morangos no meio do caminho.

Este blog é um oferecimento da Afronta Marketing.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s