Volvo e Van Damme em Parceria Épica

Criatividade e Autenticidade são assuntos que sempre me fascinaram. Quando essas qualidades são ainda combinadas com Talento (tudo com letra maiúscula mesmo), não consigo deixar de comentar por aqui.

A Volvo acaba de lançar uma campanha para divulgar sua nova linha de caminhões com o Volvo Dynamic Steering, uma tecnologia que promete precisão e estabilidade incrivelmente superiores na hora de dirigir. E para não ficar apenas na promessa, a Volvo em parceria com a agência Forsman & Bodenfors deciciu comunicar isso da forma mais inteligente e ousada possível. Digo ousada porque o vídeo logo abaixo não se trata de efeitos especiais ou uma montagem de computação gráfica, coisa difícil de acreditar no mundo cada vez mais fake das pegadinhas na Internet. A façanha foi confirmada pela Volvo e teve a participação do próprio Van Damme efetuando seu famoso espacate que, segundo o diretor do vídeo, Andreas Nilsson, foi filmado no primeiro take (mesmo tendo o desconto de ter confessado que o movimento foi ensaiado várias vezes, não deixa de ser genial).

O sucesso da ação já pode ser celebrado pois o comercial tornou-se um vídeo viral com 24.768.884 views até o momento (somente no YouTube). Para não estragar muito suas expectativas, dá logo um play no vídeo abaixo e comprove o feito com atenção especial aos motoristas:

Acredito que o mundo de hoje, especialmente o Brasil, precisa valorizar muito o talento humano. Não que eu seja contra a tecnologia. Muito pelo contrário: a tecnologia é um caminho sem volta no desenvolvimento positivo da espécie humana e conta com o meu mais entusiástico apoio. Mas é que o tipo de reação que uma campanha dessa acaba causando, com muita gente duvidando da veracidade do vídeo e até menosprezando a façanha (vai lá meu amigo tentar ser qualquer um dos partícipes do filme, seja na condição de equilibrista ou mesmo de motorista para cair na realidade do grau de dificuldade envolvido) faz-me refletir o quanto podemos ficar paralisados mentalmente pelas ferramentas (leia-se aqui tecnologia) ao invés de enxergarmos o que elas simplesmente são: meios para uma finalidade específica e não uma finalidade em si mesmas.

Nosso senso crítico anda muito pobre, seja para o bem ou para o mal. Saibamos avaliar cada situação da forma mais ampla possível e não com a pressa e displicência características de mais uma postagem da linha de produção de compartilhamentos do Facebook.

Este blog é um oferecimento da Afronta Marketing.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s