Bem-Vindos à Era da Criatividade!

Era da CriatividadeA Era da Informação morreu…

Calma lá. Não estou querendo dizer com isso que a informação não vale mais nada e muito menos ainda que não teremos mais acesso à ela. Muito pelo contrário: o acesso à informação será exponencialmente cada vez maior. Desta maneira, a falta de acesso aos dados não é mais desculpa para a nossa estupidez. Foi-se a época em que as informações estavam concentradas nas esferas dos governos, nas empresas ou em instituições ao redor do mundo. Com a popularização da Internet, ser ou não ser ignorante está muito mais relacionado ao uso da informação do que ao acesso à ela.

Vivenciamos então uma situação inversa ao que havia antes da web: nunca tivemos tanto acesso à informação. Na verdade, a quantidade de informação é tamanha que estamos longe de poder dar conta dela. Ou seja, a soma das informações disponíveis é infinitamente maior do que a nossa capacidade de entendê-las, organizá-las e gerenciá-las. E inseridos neste cenário de complexidade, temos apenas duas opções de comportamento: ou ficamos à deriva neste imenso oceano de informações ou aprendemos a navegar e fazer bom uso deste mesmo oceano que pode nos afogar.

E a única forma de fazer isso é através da criatividade. Isto é, torna-se fundamental em nossas vidas a saída do paradigma do acesso à informação para a entrada no paradigma do uso inteligente da informação: como utilizar os dados existentes para construir algo positivo?

Apropriando-me de uma analogia muito interessante utilizada por Nicholas Carr, autor do livro “The Big Switch – Rewriting The World, From Thomas Edison To Google“, a Internet é hoje aquilo que a distribuição de energia elétrica passou a ser no século XX. Com complexas redes de geração e distribuição de energia plenamente disponíveis, o acesso à rede elétrica deixou de ser um luxo para poucos e passou a ser uma plataforma geral em cima da qual uma infinidade de produtos e serviços puderam ser criados à base dessa energia. E hoje a Internet encontra-se em uma fase bastante similar, transformando o acesso à informação em um problema já plenamente superado e deixando o caminho livre para a exploração e manipulação de um imenso oceano de informações.

Essa é a grande chave para um futuro promissor em nossa vida pessoal e profissional: o uso da criatividade para fazermos um bom uso de toda informação hoje disponível. Mas por questões culturais, não fomos treinados a ser criativos, situação que coloca-nos defronte a mais um desafio: aprender a ser criativos em uma sociedade que poda essa habilidade já no período escolar de desenvolvimento.

Mas isso é um problema para, quem sabe, uma outra postagem.

Abraços e sejam bem-vindos ao nosso blog!

Este blog é um oferecimento da Afronta Marketing.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s